Sem chance de recurso, Justiça manda prender rapaz que espancou ex-namorada em Cordeirópolis

Autor de um crime ocorrido em 2018 e que comoveu Cordeirópolis, T.C.L.S. foi preso nesta quarta-feira (22) pelas forças policiais da cidade. Os agentes cumpriram mandado de prisão expedido pela juíza Juliana Silva Freitas, da Vara Única do Município, após o trânsito julgado da ação que condenou o jovem.

Em agosto daquele ano, o rapaz foi à casa de sua ex-namorada, com 17 anos na época, e a chamou para conversar do lado de fora do imóvel, que fica no Jardim Cordeiro. Quando a adolescente o recebeu, passou a ser agredida violentamente.

Após ser esganada, a vítima desacordou e, caída, levou chutes na cabeça. Quando percebeu a movimentação de populares, T. deixou o local. A garota, que ficou com a face desfigurada, precisou ser conduzida ao hospital e recebeu tratamento médico.

Na ocasião, o delegado William Marchi autuou o rapaz pelos crimes de lesão corporal e violência doméstica. T. foi detido, processado e condenado à pena de 4 anos, 5 meses e 10 dias de reclusão, em regime semiaberto, pelo crime de lesão corporal grave.

Como as chances de recursos ficaram esgotadas, devido ao trânsito em julgado da ação, a juíza expediu ontem a ordem de prisão do réu, que foi cumprida pelos policiais. Agora, ele cumprirá a pena encarcerado.

Compartilhe

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

vinte − 11 =

error: Conteúdo protegido por direitos autorais.