Tribunal de Ética da OAB-SP deve suspender procurador jurídico que agrediu colega

O Tribunal de Ética e Disciplina (TED) da Ordem dos Advogados do Brasil seção São Paulo (OAB SP), informou na tarde desta quarta-feira (22/06) a instauração de ofício de representação contra o procurador visto em imagens agredindo colega de trabalho dentro da Prefeitura de Registro. Ele deverá ser suspenso preventivamente.

O órgão da OAB-SP classificou como covarde a agressão. “[…] a procuradora do município de Registro (SP) foi covardemente agredida por um colega de trabalho dentro da própria Prefeitura da cidade”.

A nota ainda diz: “Considerando a gravidade dos fatos, nos termos do §3º do artigo 70 do Estatuto da Advocacia e da OAB, foi determinado, ainda, que se proceda aos trâmites processuais necessários à suspensão preventiva do acusado, que será notificado a comparecer e manifestar-se a respeito dos fatos para deliberação pela Turma do TED competente, que deverá concluir o processo disciplinar no prazo máximo de 90 dias”.

Assina a nota Guilherme Magri, presidente do Tribunal de Ética e Disciplina da OAB SP.

A providência da classe é paralela a outras medidas já tomadas em outras esferas, como a policial que poderá resultar em processo criminal no Judiciário.

Foto: Reprodução

Compartilhe

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

5 × cinco =

error: Conteúdo protegido por direitos autorais.