Sindsel se mobiliza por monitores e vai à Câmara de Limeira

O Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos Municipais de Limeira (Sindsel) iniciou uma mobilização para reivindicar melhorias aos monitores da rede municipal de ensino. A categoria pede, entre outras coisas, valorização da classe e pretende usar a tribuna da Câmara na próxima sessão.

Ao Sindsel, os monitores apontaram desvios de função, ausência de diálogo para tomada de decisões e capacitação dos que trabalham com crianças que têm necessidades especiais.

Diretora do sindicato, Nicinha Lopes definiu com os monitores a formação de um coletivo que irá se reunir com o secretário da Educação para apresentar as propostas. Entre as reivindicações que serão apresentadas à pasta, está o pagamento da diferença como hora/aula quando faltar professor e o monitor atuar como pedagogo. Também estão na pauta férias coletivas da categoria; formações teóricas e de forma online para capacitação dos profissionais para o atendimento de crianças com necessidades especiais. “Todos os monitores presentes em reunião concordaram em ir para a Câmara Municipal na próxima segunda-feira (29) para pedir uso da tribuna e apresentar nossas demandas. O Sindsel entende que a gestão escolar não tem culpa do que está ocorrendo, pois são profissionais também, os quais tem passado por muitas dificuldades. A nossa luta é para que o Município cumpra com a sua tarefa”, finalizou o sindicato.

Foto: Câmara de Limeira

Compartilhe

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

onze − três =

error: Conteúdo protegido por direitos autorais.