Celular poderá ser aliado na busca de crianças e adolescentes desaparecidos

Emissão de alertas sobre crianças e adolescentes desaparecidos no Estado de São Paulo por meio de convênio entre o Poder Executivo e empresas de telefonia móvel pode ser mais uma alternativa, com meios atuais e tecnológicos, para intensificar o trabalho de busca pelo paradeiro.

Os avisos podem ser emitidos por meio de aplicativo multiplataforma de mensagens instantâneas, notificações push ou outros meios digitais. Esta é a intenção de um projeto de lei protocolado na Assembleia Legislativa de São Paulo pelo deputado Murilo Félix (Podemos).

Pela proposta, a divulgação deverá conter nome, idade, características físicas, local de desaparecimento e as demais informações que os órgãos competentes julgarem necessárias.

O alerta, no entanto, não será utilizado quando a difusão da mensagem implicar aumento do risco para a criança ou o adolescente desaparecido ou comprometer as investigações.

O projeto deve passar pelas comissões ainda de ser votado.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Compartilhe

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

error: Conteúdo protegido por direitos autorais.